INDÚSTRIA

Importância do sector
para a Economia Nacional

PIB

  • Papel relevante no crescimento económico;
  • Por cada euro de valor acrescentado na fileira de cimento e betão são gerados cerca de 3 euros na economia. Este efeito multiplicador, bem acima de outros sectores, é potenciado pelo carácter local da indústria, que utiliza produtos e matérias-primas europeias para mais de 90% dos seus inputs;
  • Investimento em infraestruturas com grande efeito multiplicador na economia, quer em grau quer em rapidez. Pode duplicar o investimento inicial em apenas alguns trimestres, ou mesmo triplicar no prazo de 20 anos;
  • Promove indústria local de base e recorre a mão-de-obra qualificada local;
  • Forte componente nacional (70%) do Valor Acrescentado Bruto do sector (VAB 2005-2018: 2642 M€).

Contribuição Fiscal

  • Contribui para a sustentabilidade das contas públicas através do pagamento de impostos.
Impostos sobre o Rendimento 2007-2018
Indústria cimenteira (milhões de €) 828

Postos de trabalho

(Diretos e indiretos)

  • Emprega diretamente cerca de 860 pessoas. Estima-se que sejam criados 3 a 5 vezes mais empregos indiretos (2018: 5100).

Produção,
Consumo Interno
e Exportações

  • Comercialização de 5.2 milhões de toneladas de cimento e clínquer produzidas internamente (2018) e volume de negócios de 466 milhões de Euros (2018);
  • Exportações representaram, em 2018, cerca de 50% da produção total.

Balança de Pagamentos

  • Contribui para o equilíbrio da BP através da elevada componente nacional do VAB do sector e da capacidade exportadora atual. A maximização da utilização de combustíveis alternativos tem permitido importar cada vez menos coque de petróleo.
2005-2017 kt milhões €
Exportações Totais 38912 1569
Consumo de Coque de Petróleo Evitado 854 62

A Indústria de Cimento em Portugal

400 milhões €
Volume de Negócios
(VN)
2018
2500 milhões €
Valor Acrescentado Bruto
(VAB)
2005-2018
1000 milhões €
Exportações
(EXP)
2005-2017
(valor preliminar)
4500 pessoas
Emprego
(Direto e Indireto)
2018